ONG Parceira do PortoWeb

INAUGURAÇÃO DE PLACA FRENTE AO PRESÍDIO FEMININO MADRE PELLETIER, dia 04/10/2016



TERÇA-FEIRA, DIA 04/10 – às 14,30 hs.

“DIA MUNDIAL DA ANISTA”

INAUGURAÇÃO DE PLACA > FRENTE AO PRESÍDIO FEMININO MADRE PELLETIER.

Av. Teresópolis, nº2.727

CONVITE

                           Movimento de Justiça e Direitos Humanos, juntamente com Prefeitura Municipal de Porto Alegre, dando continuidade ao Projeto Marcas da Memória, convidam para a cerimônia que se realizará no dia 04 de outubro de 2016, (terça-feira), às 14,30 hs, “DIA MUNDIAL DA ANISTIA”, na calçada frente ao Presídio Feminino Madre Pelletier”, Av. Teresópolis, nº 2.727. Na oportunidade haverá o descerramento da placa que assinalará o local que serviu de prisão daquelas valentes mulheres que se opunham a ditadura.

A placaterá o seguinte texto: 

MARCAS DA MEMÓRIA

Golpe de 1964

Penitenciária Feminina Madre Pelletier

A ditadura militar de 1964, nesta penitenciária, brutalizou física e emocionalmente dezenas de mulheres em razão da militância política. Isoladas passavam fome e eram submetidas a torturas em celas, hoje transformadas em canil. O terror da repressão enviava aos familiares falsas mensagens de que haviam morrido. Houve quem aqui ficou presa por uma década.


OAB lotou para entrega do Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo.
-Vejam os vencedores do 34º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo que receberão suas premiações às 20 horas no auditório da OAB/RS - Rua Washington Luiz, 1.110 – 2º andar - Porto Alegre/RS. -
HOJE, 10 DE DEZEMBRO, É COMEMORADO O DIA INTERNACIONAL D OS DIREITOS HUMANOS
CERIMÔNIA DE ENTREGA DOS PRÊMIOS - Vejam os vencedores do 34º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo - Dia 11 de dezembro de 2017, às 20 horas - Auditório da OAB/RS - Rua Washington Luiz, 1.110 – 2º andar - Porto Alegre/RS
Justiça da Itália ouve presidente de ONG de direitos humanos em processo contra ex-agentes da ditadura
Pesquisadora da University of Oxford, de Londres faz pesquisa sobre a Operação Condor em arquivos do Movimento de Justiça e Direitos Humanos do Rio Grande do Sul
Encerram hoje (20/11/2017), às 18h, as inscrições para participar no 34º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo
ATENÇÃO: AS INSCRIÇÕES AO 34º PRÊMIOD DIREITOS HUMANOS DE JORNALISMO ENCERRAM DIA 20 DE NOVEMBRO de 2017
Triste notícia. Morreu o jornalista Fernando Antônio Lemos Goulart
O Brasil perde uma eferência na ciência política, Moniz Bandeira, que morre aos 81 anos
Abertas as inscrições para o 34º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo 2017
34º Prêmio Direitos Humanos de Jornalismo
El futuro de los derechos humanos
Meio século depois, líderes da Operação Condor seguem sem punição
OAB-SP lança documentário sobre história da entidade
Livro aborda o sequestro dos Uruguaios na Operação Condor
OAB do RS concede Comenda Oswaldo Vergara ao advogado Luiz Francisco Corrêa Barbosa
Der Spiegel: Volkswagen espionou e torturou funcionários durante ditadura no Brasil
“Uruguay ni dio la cara”
Resolución de la Asamblea General de la OEA constituye un avance para la libertad de expresión y seguridad de periodistas

Página 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | ... || Próxima

A+-     A  ?
» Contatos
Movimento de Justiça e Direitos Humanos

Av. Borges de Medeiros, 340 - 94
Porto Alegre - RS

 (51) 3221-9130
 Fale Conosco









Desenvolvimento PROCEMPA